Translate

terça-feira, 27 de agosto de 2013

Tempo

Peço ao meu relógio para andar rápido. Dois minutos de cada vez. Como quando era criança pulando pela calçada apressada para chegar em casa e contar histórias que aconteceram na minha cabeça enquanto na escola.
Rápido. Afinal há tanto não te vejo... Que o tempo que ficou para trás devia ser colorido com tinta invisível pra não ter como contar.
As vezes me pego suspensa em nuvens de pensamento. Calçada com sapatos vermelhos de salto macio para não te acordar. E corro atrás de um tempo que finjo não saber contar. Quando o alcanço me lanço no fundo das horas que sei esperar.
Anda, tempo. Corre, tempo. Para o tempo. Preciso de um tempo mais rápido que dure o segundo do meu piscar. Para fixar a imagem que guardo comigo do seu me deixar...
 
 



segunda-feira, 12 de agosto de 2013

Quase

Sonhei em quase ser  feliz
quase pensei ter você
quase que eu me iludi
quase você veio me ver


Quase acreditei não estar só
quase até viajei
de mim quase senti dó
eu até quase chorei

Quase não quis mais te amar
quase escolhi te esquecer
quase cri no efêmero
mas de quase quero viver.