Translate

domingo, 3 de novembro de 2013

Sem graça (um samba)

Tenho me sentido sem graça
sem vontade de erguer uma taça
ou passear na praça.

Há dias as palavras não me vem
e me sinto meio refém
como a esperar ninguém.

Respiro fundo e soluço
pego um papel e me debruço
o coração esmiuço...

Mas meu peito não chora
você não me namora
a vida não melhora...

Então não me amola
não desejo sua esmola
prefiro minha viola
para um samba cantar.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário certamente me fará crescer.